Drag queen reclama de homofobia no Fashion Rio

'Eu só queria ir ao banheiro", disse Núbia Pinheiro, que foi impedida de entrar no toilette feminino do evento.

Por Léo Martinez, do EGO

Drag Queen no Fashion Rio (Foto: Isac Luz)Drag Queen no Fashion Rio (Foto: Isac Luz)
A drag queen Núbia Pinheiro, 32 anos, reclamou ter passado por um episódio de homofobia nesta quinta-feira, 24, em um dos banheiros do Fashion Rio, no Jóckey Club, na Gávea, bairro da Zona Sul carioca. Impedida pela segurança de utilizar o toilette feminino, ela comentou:

"Eu só queria usar o banheiro, mais nada. As pessoas se julgam tão informadas sobre o assunto homofobia e quando sentem na pele, de perto, uma situação como a minha, ficam colocando panos quentes para contornar a situação", disse a drag que durante o dia atende pelo nome de Alexandre e trabalha como recepcionista.

Já a produção do evento alegou que Núbia, por ser uma drag queen, não poderia utilizar o banheiro feminino: "É uma área reservada para quem está trabalhando. O banheiro masculino para os homens, e o feminino, para as mulheres", disse uma das reponsáveis pelo setor no momento do tumulto.

Trabalhando em um stand do evento pelo Governo do Estado do Rio de Janeiro, que fala justamente da campanha pelos direitos LGBTs, a artista acabou deixando o local sem utilizar o banheiro: "Agora a vontade até passou."

Núbia Pinheiro discutiu com seguranças na entrada do banheiro feminino Rio (Foto: Isac Luz)Núbia Pinheiro discutiu com seguranças na entrada do banheiro feminino Rio (Foto: Isac Luz)
 
Encontre-nos no Google+