Corpo de travesti morta a tiros em Belém é velado em Barcarena, PA

Parentes reconheceram o corpo no IML durante a noite de segunda (18).
Família quer acompanhar de perto as investigações sobre o assassinato.

Corpo de travesti morta a tiros em Belém é velado em Barcarena, PA
Do Gay1 Brasil

O corpo da travesti morta a tiros na madrugada no último domingo (17) em Belém, foi reconhecido na noite de segunda-feira pelos familiares e está sendo velado na cidade onde a vítima residia, em Vila do Conde, Barcarena (PA). O enterro também acontece em Barcarena.

O tio da vítima, que reconheceu o corpo, informou que pretende retornar a Belém nesta quarta-feira (20) para acompanhar de perto as investigações sobre a morte da sobrinha e também para prestar depoimento à polícia.

O caso
Três travestis foram baleadas por volta das 2h da manhã do último domingo (17) na esquina da avenida Almirante Barroso com a travessa Barão do Triunfo, na bairro do Marco, em Belém. A travesti conhecida como "Bianca" morreu na hora, e as outras duas encaminhadas ao hospital.

A polícia investiga motivação do crime e a organização de defesa dos direitos LGBT, em Belém, pede providências. De acordo com o delegado que investiga o caso, duas hipóteses tem sido consideradas para o crime: vingança e homofobia.

 
Encontre-nos no Google+