Adam Levine considera ridícula proibição do casamento igualitário

Cantor diz que lutar contra a orientação de LGBTs é uma batalha perdida.

Do Gay1 Entretenimento

Próximo da causa LGBT, Adam Levine legalizaria o casamento do mesmo sexo se fosse presidente americano por um dia (Foto: Retrieve)Próximo da causa LGBT, Adam Levine legalizaria o casamento do mesmo sexo se fosse presidente americano por um dia (Foto: Retrieve)
O atual jurado do reality show musical The Voice, Adam Levine, afirmou em entrevista ao MTV News que a homossexualidade não é algo que se adquire ao longo da vida: "você nasce com ela", sintetizou. O dono do hit Moves Like Jagger também declarou que legalizaria o casamento entre pessoas do mesmo sexo se fosse presidente americano por um dia. "Eu tornaria o casamento gay legal, porque isto (a restrição do matrimônio à LGBTs) é simplesmente arcaico e ridículo".

Levine possui grande apoio da comunidade LGBT dos Estados Unidos, em parte por seu irmão Michael ser assumidamente gay.

"Meu irmão é gay, e nós sabíamos quando ele tinha dois anos. Muitas pessoas não querem que seu filho seja gay, e elas lutarão contra isto à todo custo. Mas eu tenho notícias para você - é uma batalha perdida".
 
Encontre-nos no Google+