Ucrânia analisa projeto de lei contra ‘propaganda pró-LGBT’

Se aprovada, norma pode banir programas, filmes, eventos e campanhas sobre o tema no país.

Do Gay1 Mundo, com Agências Internacionais
Parlamentar Pavlo Ungurian é coautor do projeto e diz que lei tem como objetivo proteger a ‘saúde moral do país’ (Foto: Sergei Chuzavkov / AP)Parlamentar Pavlo Ungurian é coautor do projeto e diz que lei tem como objetivo proteger a ‘saúde moral do país’ (Foto: Sergei Chuzavkov / AP)
Depois da Rússia ter aprovado uma lei nacional proibindo atos de ‘propaganda pró-LGBT no país’, a Ucrânia lançou um projeto de lei semelhante, que pode banir programas de TV, filmes, eventos e campanhas publicitárias sobre o tema no país. No mês passado, seis legisladores, incluindo o representante do presidente Viktor Yanukovych no Parlamento, submeteram a norma à lista de votações da Casa.

Se for aprovada, a lei irá impor multas e até anos de cadeia para aqueles que disseminarem informações positivas sobre lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais que possam chegar a crianças. O legislador Pavlo Ungurian, coautor do projeto, disse em entrevista coletiva nesta segunda-feira que o objetivo da norma é preservar “a saúde moral, espiritual e física da nação”.

O projeto assusta políticos e ativistas pelos direitos LGBTs no país. Eles temem que a lei seja usada como desculpa para justificar o preconceito contra lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais.

 
Encontre-nos no Google+