União igualitária gera US$ 259 milhões para a economia de Nova York

Lei que permite união homoafetiva começou a valer em 24 de julho de 2011.
Nova York tinha sido o sexto e mais populoso estado a legalizar união nos EUA.


Do Gay1
Kitty Lambert e Cheryle Rudd foram o primeiro casal do mesmo sexo reconhecido em Nova York (Foto: David Duprey/AP)Kitty Lambert e Cheryle Rudd foram o primeiro casal do mesmo sexo reconhecido em Nova York
(Foto: David Duprey/AP)
Um ano após a promulgação da Lei de Igualdade Matrimonial, os casamentos de pessoas do mesmo sexo na cidade de Nova York geraram US$ 259 milhões para a economia local e US$ 16 milhões em receitas municipais. O anúncio foi feito pelo prefeito Michael Bloomberg, pelo presidente da Câmara Municipal, Christine C. Quinn, e pelo CEO da NYC & Company, organização de marketing e turismo de Nova York, George Fertitta.

Pelo menos 8,2 mil licenças de casamentos de pessoas do mesmo sexo foram emitidas desde 24 de julho de 2011, representando mais de 10% do total de 75 mil. A pesquisa de impacto econômico, conduzida pela NYC & Company e pelo City Clerk’s Office, apontou que as bodas de casais do mesmo sexo também geraram uma receita adicional para a indústria turística: mais da metade dos matrimônios ocorreram em locais espalhados pelos cinco distritos de Nova York.

Mais de 200 mil convidados viajaram para a cidade para participar desses eventos e nada menos que 235 mil quartos de hotéis foram reservados com diária média de US$ 275. “A Igualdade matrimonial fez nossa cidade mais aberta, inclusiva e livre – além de ter ajudado a criar empregos e apoiar nossa economia”, afirmou o prefeito Bloomberg.

“Depois da promulgação da lei, a NYC & Company lançou a campanha de comunicação NYC I DO para promover a cidade como um vibrante e atrativo destino de casamento”, contou George Fertitta.

Para tornar a cidade de Nova York um destino top de casamentos e lua de mel para todos os casais do mundo, a NYC & Company lançou a campanha NYC I DO imediatamente após a aprovação da Lei de Igualdade Matrimonial. A iniciativa global de comunicação promove os cinco distritos da cidade como lugares perfeitos para casais. A agência também criou um site para fornecer aos nova-iorquinos e visitantes informações importantes sobre como se casar na cidade.

O site ainda lista as ofertas de hotéis para casais que procuram um local para a boda ou acomodações para convidados fora da cidade e destaca alguns dos 2 mil membros da NYC & Company, incluindo restaurantes, hotéis, lojas de noiva e floristas que prestam bens e serviços de casamento.

Informações: nycgo.com/nycido

 
Encontre-nos no Google+