Homem é morto com oito facadas durante Parada LGBT em Franca, SP

Vítima teria ameaçado homem com faca, quando foi dominado e agredido.
Suspeito foi preso e disse que a vítima havia brigado com seu namorado.


Do Gay1 SP

Um cabeleireiro de 38 anos morreu esfaqueado na noite deste domingo (21) durante a 6ª edição da Parada do Orgulho LGBT de Franca (SP). Segundo informações da Polícia Militar, a vítima teria ameaçado um homem com uma faca, quando um terceiro – apresentado como namorado do agredido – conseguiu dominá-lo.

O sargento Eli José Rodrigues contou que o rapaz retirou a faca das mãos do cabeleireiro e o atingiu oito vezes no abdome, pescoço e pernas. A vítima chegou a ser socorrida por uma ambulância, mas morreu a caminho do hospital.

O suspeito, de 20 anos, foi preso em flagrante próximo ao Parque de Exposições Fernando Costa, local onde acontecia o evento. Em depoimento, ele teria afirmado que o motivo da briga foi um desentendimento antigo entre a vítima e seu namorado, de 39 anos, que sofreu apenas ferimentos leves nas mãos.

O suspeito de matar o cabeleireiro foi encaminhado para o Centro de Detenção Provisória de Franca. Segundo Rodrigues, os três envolvidos possuem antecedentes criminais e o caso será investigado.

 
Encontre-nos no Google+