Rapaz diz à polícia que foi espancado em bar de MS por ser gay

Caso aconteceu na madrugada desta sexta-feira (23) em Campo Grande.
Seguranças de estabelecimento são suspeitos de agressão, diz polícia.


Do Gay1

Um jovem de 21 anos afirma ter sido espancado por três seguranças em um bar de Campo Grande, na madrugada desta sexta-feira (23). A vítima registrou boletim de ocorrência sobre o caso e relatou que foi agredida por ser gay. A gerência do estabelecimento disse que não estava sabendo do caso.

Sobre o fato, o rapaz disse que estava no bar com alguns amigos quando um segurança o abordou. “Ele disse que eu tinha esquecido alguma coisa no banheiro, quando cheguei lá, me bateram”, relata. Para a vítima, a orientação sexual foi o fator que ocasionou a agressão, já que um dos seguranças o xingou de 'viadinho'.

O jovem fez exame de corpo de delito na manhã desta sexta, pois estaria com nariz quebrado e ferimentos no rosto.

De acordo com o registro policial, três seguranças estão envolvidos. Um deles segurou a rapaz enquanto o outro o espancava e o terceiro segurava a porta para que a vítima não fugisse. Além da agressão, o rapaz disse à polícia que sofreu ameaças de morte.

O caso foi registrado como lesão corporal dolosa na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) do centro.

 
Encontre-nos no Google+