Maioria dos eleitores britânicos apoia o casamento igualitário, diz pesquisa

Forte apoio a mudança vem depois do arcebispo de Westminster questionar a legitimidade democrática dos planos.

Do Guardian
62% dos eleitores apoiam a proposta e apenas 31% se opõem (Foto: Getty Images)62% dos eleitores apoiam a proposta e apenas 31% se opõem (Foto: Getty Images)
Mais de três em cada cinco eleitores britânicos apoiam o desejo de David Cameron de introduzir o casamento igualitário, de acordo com uma pesquisa conduzida pelo jornal "Guardian". O forte apoio a uma mudança vem depois do arcebispo de Westminster questionar a legitimidade democrática dos planos.

A pesquisa, conduzida logo antes do Natal, mostrou que 62% dos eleitores apoiam a proposta, e apenas 31% se opõem. Grande parte das pesquisas anteriores revelavam o mesmo tipo de resposta, mas não na proporção atual.

Apesar de partidários das alas trabalhista e liberal-democrata continuarem os mais prováveis apoiadores do casamento igualitário, com proporções de 67% e 71%, respectivamente, agora existe também uma maioria entre os conservadores, com 52% a favor contra 42% contrários.

Homens e mulheres apoiam o casamento entre pessoas do mesmo sexo, apesar de a margem ser mais ampla entre eleitoras do sexo feminino (65%) do que do masculino (58%). O apoio se mantém em todas as regiões do país e em em todas as classes sociais e grupos etários.

O resultado deve encorajar Cameron, cujo apoio ao casamento igualitário se provou controverso não apenas entre líderes religiosos.

Vincent Nichols, líder da igreja católica romana na Inglaterra e Gales, usou a mensagem do dia de Natal para criticar o "confuso" processo que pode em breve permitir o casamento entre pessoas do mesmo sexo. "Não houve anúncio no manifesto de nenhum partido; não houve nenhuma afirmação no discurso da rainha. E ainda assim estamos aqui à beira de legislação primária", disse Nichols à BBC.

Os planos também foram rechaçados por um juiz de alta corte, que disse que o governo deveria prestas atenção à "crise de colapso da família". Sir Paul Coleridge disse que muito tempo e energia tem sido colocado no debate sobre casamento igualitário para "0,1% da população".

 
Encontre-nos no Google+