Carol Marra capota o carro na estrada: 'Não morri por sorte'

Modelo dirigia na região de Bragança Paulista na madrugada desta quinta, 15, quando o carro capotou. 'Caí em uma vala e fiquei desacordada'.

Publicado em 15/08/13 às 13:24

Do Gay1 Entretenimento, com EGO

Foto: Divulgação

Modelo transexual Carol Marra
Carol Marra estava dirigindo em direção a São Paulo na madrugada desta quinta-feira, 15, quando sofreu um acidente de carro. A modelo transexual escapou da morte por pouco. "Não sei bem como aconteceu, mas bati no muro lateral que divide as pistas e o carro capotou. Caí em uma vala. Fiquei desacordada. Quando chegou a equipe médica, não acreditaram como eu não tinha morrido. Eu não morri por sorte", conta ela, que estava na região de Bragança Paulista.

Carol conta que por pouco não sofreu um segundo acidente. "Quando a equipe médica chegou e estava colocando a maca cervical em mim, outro carro capotou e passou voando por cima de nossas cabeças. Os médicos saíram correndo e me deixaram lá sozinha no chão. O carro caiu a três metros de mim", contou ela, emocionada.

Carol foi para o hospital em Bragança, mas assinou um termo de responsabilidade por sua alta porque tinha um trabalho hoje. A modelo disse que estava voltando ao hospital porque estava sentindo muita dor. "Não estou conseguindo andar, meu nariz está sangrando e o corpo todo dói. Meu medo é não andar mais, tenho desfile dia 28 de agosto e uma viagem internacional em setembro, além dos trabalhos aqui", contou ela, que deve fazer exames para saber se fraturou algum osso.

Top trans
Carol, que tem 25 anos, vem se destacando como modelo e sonha em fazer a cirurgia de redesignação sexual. Ela já passou por todo o procedimento necessário para a realização da cirurgia, como acompanhamento psicológico e ter laudos emitidos por endocrinologistas, mas a cirurgia foi adiada em dezembro de 2012.

No primeiro semestre deste ano, Carol passou por uma cirugia de feminilização facial para ficar com o rosto mais delicado. Ela reduziu o tamanho da testa utlizando a mesma técnica adotada pela Ariadna e pela modelo Lea T. “Minha mãe também tem testa grande, mas eu achei que fiquei mais feminina”, contou Carol, em entrevista para em maio. Há cinco anos, a modelo também afinou o nariz e colocou implante de silicone nos seios.
 
Encontre-nos no Google+