OAB de Roraima institui Comissão da Diversidade Sexual

O Direito afetivo também será um dos focos da Comissão. Atribuição será garantir os direitos já adquiridos pela comunidade LGBT.

Publicado em 04/08/13 às 22:15

Por Marcelo Marques

Comissão criada pela OAB vai garantir os diretos de pessoas LGBT

Foto: Marcelo Marques

Comissão criada pela OAB vai garantir os diretos de pessoas LGBT
A Comissão da Diversidade Sexual e Direito Homoafetivo foi instituída na noite desta sexta-feira (19), pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/RR) em Boa Vista. Em Roraima, a atribuição será garantir os direitos já adquiridos pela comunidade Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (LGBT).

De acordo a presidente da comissão, Lourdes Icassatti, o índice de assassinatos contra o grupo é muito grande, em referência a outros estado. "Este já é um ponto importante que discutiremos dentro da Comissão. Em primeiro lugar, pretendemos saber os casos de homicídios que não foram solucionados e saber os motivos. Depois de uma análise, vamos buscar formas de tentar resolver os empecilhos", afirmou.

Para o presidente do Grupo Diversidade, em Roraima, Sebastião Diniz, a Comissão fortalecerá a luta contra a homofobia no estado. Além de esclarecer os direitos humanos que são violados das pessoas LGBT.

"A Comissão é importante também para apoiar denúncias de famílias. Ano passado, foram 3.084 denúncias de violência contra a comunidade LGBT. A OAB-RR está fazendo políticas públicas, o que é muito importante para nós", avaliou Diniz.

A primeira pauta a ser reivindicada na Comissão será solução de crimes cometidos à comunidade LGBT.

"Nos delitos já ocorridos, neste ano, vamos pedir desfechos para podermos apresentar à sociedade esses crimes. E vamos marcar um seminário para discutir com a população toda a questão dos direitos humanos que envolvem a nossa comunidade, fortalecendo a nossa luta e separar a religião do estado, sem medo de ser homossexual", concluiu.
 
Encontre-nos no Google+