Jovem vai participar da Parada LGBT em Planaltina do Goiaís e é assassinado

Segundo amigos a motivação foi homofobia.

Publicado em 22/10/13 às 11:50

Do Gay1 DF, com informações do R7 e G1

Foto: Reprodução/Facebook

Wesley Chinayder morava em Santa Maria (DF).
Em Planaltina de Goiás, região do Entorno do DF, um jovem foi executado com um tiro na testa. O crime aconteceu na praça central da cidade na última segunda, 21. Segundo a polícia, Wesley Chinayder morava em Santa Maria (DF) e tinha ido a cidade do Entorno para participar da Parada do Orgulho LGBT da cidade que foi adiada para o dia 27, próximo domingo. Ele estava com outros dois amigos quando reagiu a um assalto. O bandido ainda está foragido. O Ciops (Centro Integrado de Operações de Segurança) de Planaltina investiga o caso.

Segundo amigos a motivação do crime foi homofobia. "Aproveitaram do evento para assaltar as pessoas só porque somos gays" diz Lucas Felipe, amigo da vítima.

Manifestação
Nesta quinta-feira, 24, ativistas lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais farão uma manifestação às 16h em frente a Catedral de Brasília contra o projeto de lei aprovado na última quarta-feira, 16, em sessão presidida pelo pastor e deputado Marco Feliciano (PSC-SP) que livra templos e igrejas de serem enquadrados no crime de discriminação se vetarem a presença de "cidadãos que violem seus valores, doutrinas, crenças e liturgias".

Atualizada em 23/10/2013 às 00:09
A fatalidade não aconteceu na Parada do Orgulho LGBT de Planaltina do Goiaís, que foi adiada para o dia 27/11, e sim um dia após.
 
Encontre-nos no Google+