Obama elogia declaração de papa Francisco sobre LGBTs

Reportagem de Steve Holland

Publicado em 03/10/13 às 14:09

Reuters

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, elogiou nesta quarta-feira as recentes declarações do papa Francisco de que a Igreja Católica deve deixar de lado uma obsessão por doutrinas sobre aborto, contracepção e homossexualidade, dizendo que o pontífice estava mostrando humildade incrível.

"Eu digo a você, eu tenho ficado extremamente impressionado com os pronunciamentos do papa", disse Obama em entrevista à CNBC.

Obama tem trabalhado para expandir os direitos LGBT e no ano passado apoiou o casamento entre pessoas do mesmo sexo. Ele também apoia o uso de contracepção e o direito da mulher ao aborto.

O papa Francisco disse ao Jornal Jesuíta Italiano no mês passado que a Igreja tinha "se fechado em pequenas coisas", por sua obsessão com aborto, contracepção e homossexualidade.

Obama afirmou que o papa parecia ser alguém que "vive os ensinamentos de Cristo" e mostra "humildade incrível" para com os pobres. "Essa é uma qualidade que eu admiro", declarou Obama, que ainda não se encontrou com o novo papa.
 
Encontre-nos no Google+