Campanha usa princípio olímpico para protestar contra lei 'antigay' da Rússia

Organizações lançam artigos inspirados em texto que condena discriminação.

Publicado em 02/12/13 às 16:20

Gay1 Esportes

Foto: Divulgação

Campanha tenta alertar contra leis 'antigays' da Rússia.
Está lá, na Carta Olímpica. Nos sexto princípio fundamental do Olimpismo, é condenada qualquer discriminação dentro do esporte. E, inspiradas no texto, duas organizações uniram esforços e lançaram uma série de artigos de vestuário como forma de protesto contra as leis 'antigays' da Rússia, antes dos Jogos Olímpicos de Inverno, em 2014.

Com o apoio de diversos atletas, as organizações All Out e Athlete Ally organizaram a campanha, batizada de “Princípio 6”. Em artigos vermelhos, como camisas, cuecas e casacos, reescreveram o texto da Carta Olímpica.

"O esporte não discrimina em termos de raça, religião, política, gênero ou outros" diz.

Membro da diretoria da Athlete Ally, Brian Ellner afirmou que a campanha é uma forma segura para que fãs e atletas se mostrem visíveis e tomem uma posição.

"Isso é enormemente importante, mas nosso maior desafio continua sendo manter o mundo focado na violência real e na intimidação que a comunidade LGBT russa vive" disse, em entrevista ao jornal americano 'The New York Times'.

Mantida pelo governo russo após reavaliação no final de julho deste ano, a lei 'antigay' permite que qualquer atleta ou torcedor, LGBT ou defensor dos direitos dos mesmos (incluindo atletas e treinadores) seja preso por até 14 dias e, em seguida, expulso do país caso tenha atitude de divulgação do que é designado como “propaganda gay”.
 
Encontre-nos no Google+