Espetáculo 'Camélia' apresenta história de paciente lésbica de Freud

Encenação fica em cartaz até sábado (15), no CCBB Brasília.

Publicado em 12/02/14 às 14:14

Serviço

Foto: Divulgação

"Camélia" conta a trajetória de uma paciente de Freud que viveu e amou intensamente ao longo de seus 100 anos de vida.
Dirigido por Luana Proença, o espetáculo "Camélia" fica em cartaz até sábado (15), no Centro Cultural Banco do Brasil (Setor de Clubes Sul). O texto de Ronaldo Ventura, que traz um relacionamento entre pessoas do mesmo sexo, foi o grande vencedor da 6ª edição do concurso de dramaturgia Seleção Brasil em Cena.

A encenação conta a trajetória de uma paciente de Freud que viveu e amou intensamente ao longo de seus 100 anos de vida. A peça é inspirada no caso publicado por volta de 1920.

A personagem judia sobreviveu às duas guerras mundiais, fugiu de nazistas, correu o mundo e desembarcou no Brasil. Aqui, ela se apaixonou por uma mulher mais velha, com quem teve um relacionamento.

"Luto e escrevo para que as pessoas possam amar quem elas quiserem e não quem as outras pessoas querem que elas amem", conta Ronaldo Ventura, ganhador do prêmio LGBT do Ministério da Cultura, em 2009.

Serviço
"Camélia"
Quando: até 15 de fevereiro, com sessões às 19h. Sessões de quarta a domingo.
Onde: Centro Cultural Banco do Brasil (SCES, Trecho 02, lote 22)
Quanto: R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia-entrada)
 
Encontre-nos no Google+