NBA doará receitas da venda das camisas de Collins a fundação LGBT

Primeiro gay assumido a jogar na liga americana de basquete usa o número 98 em tributo a Matthew Shepard.

Publicado em 05/03/14 às 23:46

Do Gay1 Esportes

Foto: Reprodução/Twitter

Jason Collins conheceu os pais de Matthew Shepard. A camisa do pivô é a mais vendida da NBA.
Primeiro gay assumido a jogar na NBA, Jason Collins está direcionando os holofotes americanos para a luta por igualdade. A camisa do pivô é a mais vendida da liga americana de basquete desde que estreou pelo Brooklyn Nets, no último domingo. Na sexta-feira, a NBA anunciou que o lucro por essas vendas será doado para a Fundação Matthew Shepard, universitário brutalmente assassinado por homofobia e homenageado por Collins no número 98 da camisa. A entidade que combate atentados contra lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais receberá US$ 100 mil (cerca de R$ 233 mil) da liga.

"Estou muito empolgado por trabalhar com a liga para apoiar essa fantástica organização, que trabalha incansavelmente para garantir que os jovens homossexuais tenham o que precisam e tenham sucesso na vida" disse Collins.

Além da doação das receitas adquiridas com as camisas de Collins, a NBA planeja outras ações para apoiar causas LGBT. A liga deve promover leilão de camisa autografada do pivô em breve.
 
Encontre-nos no Google+