'Beijaço Contra Homofoba' reúne cerca de 200 pessoas na Asa Sul

Protesto ocorre três dias após espancamento de quatro jovens gays no Simpsons Bar & Restaurante.

Publicado em 10/10/14 às 23:04

Do Gay1 DF

Foto: Hernanny Queiroz/Gay1

Manifestantes lembraram agressão à vigilante lésbica em Abadiânia (GO).
Três dias após quatro jovens gays serem agredidos no Simpsons Bar & Restaurante, na 307 Sul, manifestantes LGBT se reuniram em frente ao estabelecimento, às 18h desta sexta-feira (10/10), e promoveram um "Beijaço Contra Homofobia". Como o próprio nome do evento explicita, a forma de protesto se deu por beijos entre as pessoas do mesmo sexo ou não.

Segundo a Polícia Militar, o protesto reuniu cerca de 200 pessoas. Homens e mulheres, aos gritos de "eu beijo homem, beijo mulher, beijo quem eu quiser", munidos de megafone, aglomeraram-se na parte do bar virada para a residencial da 307 Sul. Às 19h, os manifestantes se dirigiram para o outro lado do bar, na rua da comercial 306/307 Sul, onde começaram a se beijar. Clientes do Simpsons apoiaram os cânticos e repetiram os versos.

Foto: Reprodução/Facebook

Uma das vítimas teve fratura exposta de maxilar.
Na contramão das cenas lamentáveis de terça-feira, quando um dos rapazes chegou a ter o maxilar fraturado após o espancamento, o protesto foi pacífico. Os jovens envolvidos no protesto, apesar de apoiados por algumas das pessoas que estavam no bar, optaram, previamente, por não beber no estabelecimento.
 
Encontre-nos no Google+