Musical sobre Cássia Eller volta a Brasília neste fim de semana

Espetáculo fica em cartaz no CCBB, de quinta a segunda, até 26 de janeiro. Montagem aborda carreira e vida pessoal da cantora, que morreu em 2001.

Publicado em 10/01/15 às 19:48

Do Gay1 DF

Foto: Marcos Hermes/Divulgação

A atriz Tacy de Campos no papel da cantora Cássia Eller.
O espetáculo “Cássia Eller – o musical” reestreia no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB) de Brasília neste fim de semana. A montagem pode ser vista de quinta a sábado e às segundas, às 20h, e aos domingos, às 19h, até o dia 26 de janeiro.

O musical aborda diversas fases da vida da cantora e inclui passagens da história pessoal e da carreira artística dela. Entre os trechos contemplados no espetáculo estão a descoberta da sexualidade, a primeira paixão por uma menina, as experiências com drogas, a mudança do Rio de Janeiro para Brasília, o contato com o teatro, o nascimento do filho, Francisco, a parceria com Nando Reis, entre outros.

A encenação acontece em um cenário com cadeiras. Uma banda acompanha a protagonista Tacy de Campos, cantora e atriz curitibana, selecionada em audição com mais de mil candidatas. Ela tinha 11 anos quando Cássia Eller morreum em dezembro de 2001. Segundo a produção, ela foi descoberta em um vídeo na internet, cantando com a banda “Os Marginais”.

O repertório traz faixas autorais como "Flor do sol" e sucessos como "Malandragem", "Relicário", "All Star", "O segundo sol", "Luz dos olhos", "E.C.T.", "Socorro" e 'Por enquanto". O espetáculo também traz versões de "Come together", dos Beatles, e "Smells like a teen spirit", do Nirvana, que faziam parte do set list dos shows de Cássia.

O elenco inclui ainda os atores Eline Porto, que vive Cláudia e Eugênia, Emerson Espíndola, que se reveza nos papéis de Ronaldo, Marcelo Saback, Elder, de um executivo e de Nando Reis, Julyane Bodini (Nanci Eller/Marilu), Jana Figarella (sub de Tacy de Campos/Rúbia/Dora), Jandir Ferrari (Altair Eller/Oswaldo Montenegro/violonista/empresário/Guto/Fernando Nunes) e Thainá Gallo (Moema/Lan Lan).

Com direção de João Fonseca e Viniciús Arneiro, dramaturgia de Patrícia Andrade, co-direção musical de Fernando Nunes, idealização de Gustavo Nunes e realização da empresa Turbilhão de Ideias, o espetáculo tem direção musical de Lan Lan, que foi percursionista oficial de Cássia Eller desde o disco “Veneno Antimonotonia”, de 1996, até a morte da cantora.

O musical estreou no Rio de Janeiro, passou por Belo Horizonte e São Paulo e chegou a Brasília no início de dezembro. A primeira parte da temporada aconteceu entre 5 e 22 de dezembro.
 
Encontre-nos no Google+