Parada LGBT de Brasília reúne 60 mil pessoas na Esplanada dos Ministérios

Número é estimado pela organização. Concentração começou após casamento coletivo em frente ao Congresso.

Publicado em 30/06/15 às 00:45

Do Gay1 DF

Foto: Hernanny Queiroz/Gay1

Evento também foi comemorada pelo Dia Mundial do Orgulho LGBT.
A 18ª Parada do Orgulho de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (LGBT) de Brasília reuniu 60 mil pessoas na Esplanada dos Ministérios na tarde deste domingo (28), no Dia Mundial do Orgulho LGBT, segundo a Organização do evento. A concentração começou após a realização de um casamento coletivo entre pessoas do mesmo sexo em frente ao Congresso Nacional por volta das 14h30 e seguiu rumo à Torre de TV, passando pelo Buriti e pela Câmara Legislativa.

Todas as seis faixas do Eixo sentido Torre foram interditadas pela PM para a passagem do público. Até a última atualização desta reportagem, não havia registros de tumultos no evento.

A parada contou com dois trios elétricos. O repertório musical foi variado e incluiu desde o pop internacional até o funk carioca.

A publicitária Maria Luisa Praxedes foi à parada pela primeira vez. "É libertador estar aqui sem ninguém me julgar. Está todo mundo na mesma. Achei legal o casamento ser em frente ao Congresso, do poder também. É uma quebra de paradigma."

Para o estudante Alan Patrick, a manifestação estava 'perfeita'. "Não tem como não gostar de nada." Ele ainda comentou que a legalização do casamento entre pessoas do mesmo sexo em todos os Estados Unidos e a mobilização ocorrida em torno do assunto serve para as pessoas repensarem o preconceito.

"É uma boa iniciativa para o Brasil repensar isso, já que foi uma medida de um país de primeiro mundo. Não é porque eu quero ser gay, as pessoas nascem gay." disse o jovem.

FOTOS:

Foto: Hernanny Queiroz/Gay1

A concentração começou após a realização de um casamento coletivo entre pessoas do mesmo sexo em frente ao Congresso Nacional. Veja fotos em tamanho maior.
 
Encontre-nos no Google+