Camisas de times europeus traz cores do arco-íris em protesto contra à homofobia

Clubes também fazem referências na igualdade de gênero e luta contra o câncer.

Publicado em 30/07/15 às 11:49

Por Simara Borges

Foto: Reprodução

Um dos símbolos do St. Pauli, a caveira, é pintada com o arco-íris.
O St. Pauli, conhecido por ser um clube que luta contra homofobia, racismo e tem um histórico de inclusão grande, lançou seu novo uniforme para temporada 2015/16, o uniforme, produzido pela Hummel, traz as duas cores do clube, branco e marrom. A manga direita é branca, a esquerda é marrom e no meio uma mistura entre as duas cores para fazer referência à discussão sobre haver apenas dois gêneros.

O time, que está na segunda divisão da Alemanha, ainda traz faixas com as cores do arco-íris nas mangas em apoio ao combate à homofobia. Além deste detalhe, a camisa tem ainda outro detalhe: dentro do uniforme, um dos símbolos do clube, a caveira, é pintada com o arco-íris, pelos mesmos motivos.

O combate à homofobia também é tema do uniforme da próxima temporada do Rayo Vallecano de Madrid, clube de futebol espanhol. O segundo uniforme do clube trará o arco-íris em cima de um pano preto. O primo mais pobre da capital espanhola ainda destinará R$ 24 de cada camisa vendida para instituições de caridade que representam essa causa. E, sua terceira camisa, com uma faixa rosa, luta especialmente contra o câncer.



Orgulho Madri
Outro time da Espanha também revelou que a bandeira dos direitos LGBT estará estampada no peito. O pequeno Guadalajara, da terceira divisão do país, lançou o uniforme chamado de Orgulho Madri, em referência à Parada do Orgulho LGBT da capital espanhola.

De acordo com o clube, a ideia, em parceria com a mesma fornecedora de material esportivo do St. Pauli, a Hummel, é celebrar a “igualdade, a inclusão e a unidade”. 5% da arrecadação da venda de camisas serão destinados à organização Changing The World Through Sport para ajudar no combate ao preconceito.

Assista ao vídeo de lançamento, que ainda manda uma mensagem para os jogadores “sairem do armário”.

 
Encontre-nos no Google+