Após criticas, Thommy nega filiação a partido de Bolsonaro: 'Homofóbicos'

Filho de Gretchen ainda reafirmou que continuará com o foco na dramaturgia.

Publicado em 05/09/15 às 00:21

Do Gay1 Entretenimento Thammy Miranda se filia ao partido de Bolsonaro e recebe criticas



Nesta quinta-feira (3), Thommy Miranda se envolveu em uma polêmica após publicar uma foto na qual aparece ao lado do deputado Delegado Olim. “Pedi para ter o novo PP Diversidade”, escreveu na legenda.

A imprensa especulou que Thommy teria se filiado ao partido de Bolsonaro, mas ele se explicou sobre a imagem e negou que tenha planos de entrar para a política, chamando o partido de homofóbico.

“Pessoal, só para deixar claro que ainda não me filiei a nada! Só me convidaram para presidir o núcleo de diversidade. E nós vamos analisar se podemos com isso levar nossa voz para um partido, vamos dizer, homofóbico”, disse.

Thommy ainda reafirmou que continuará com o foco na dramaturgia: “Minha profissão é atuar. Por enquanto, é o que eu sei fazer de melhor. Política, teria que aprender. Ah, da nossa causa, entendo também”.
 
Encontre-nos no Google+