Cem ativistas gays se reúnem em São Paulo para avaliar desafios e políticas públicas

Grupo participa do quarto encontro nacional da Articulação Brasileira de Gays (ARTGAY).

Publicado em 08/10/15 às 15:46

Do Gay1

Foto: Reprodução/Facebook

Ativistas da ARTGAY durante o encontro de 2014.
Acontece no período de 10 à 12 de outubro, o Quarto Encontro Nacional da Articulação Brasileira de Gays (ARTGAY), o evento acontece no Hotel São Paulo In, 44-A, Largo de Santa Efigênia, capital paulista e reunirá cem ativistas de todo Brasil. Na ocasião será feito um balanço das ações e políticas para a Saúde Integral da população LGBT; direitos humanos; educação e cultura.

O encontro é patrocinado pelo Departamento de Aids e Hepatites Virais do Ministério da Saúde, em parceria com a Associação de Apoio a Projetos a Programas da Comunidade da Universidade de São Paulo, Instituto Pró-USP/Fênix e conta com o apoio da Coordenação de Políticas para LGBT da Prefeitura de São Paulo.

A abertura tem início no sábado 10, a partir das 9h com o credenciamento dos participantes; em seguida a mesa "As políticas públicas voltadas para a população homossexual masculina", com Fábio Mesquita, Léo Mendes, Fábio de Jesus, Carlos Alberto Pereira Bezerra, Carlos Bem e Maria Clara Gianna. A programação contará ainda de rodas de conversas e oficinas sobre incidência política, mobilização vencendo o silêncio e quebrando estigmas; vulnerabilidade e oportunidade no combate a gayfobia, além de análise da conjuntura internacional e nacional das prevenções das DST/HIV/Hepatites virais para gays e outros HSH. Debaterá ainda sobre as novas tecnologias de prevenção circuncisão médica masculina; tratamento como prevenção entre gays e outros Homens que fazem sexo com homens.

Confira a programação no site oficial: http://artgays.blogspot.com.br/2013/08/ii-encontro.html

Além dos cem inscritos, o encontro conta a presença confirmadas de representantes do Ministério da Saúde/SEGEP; prefeitura de São Paulo, UNESCO/Unaids e da Fundação Cultural Palmares/MinC.

No último dia do evento, será aprovada a carta de São Paulo; o balanço da atual gestão; eleição e posse da Coordenação Nacional para o biênio 2016-2018.
 
Encontre-nos no Google+