Casal gay se recusa pegar táxi clandestino em aeroporto do Rio e são agredidos

Tudo começou depois que o casal se negou a embarcar em um táxi pirata. Polícia diz que dois agressores vão responder por tentativa de homicídio.

Publicado em 31/01/16 às 17:13

Do Gay1 RJ

Casal gay se recusa pegar táxi clandestino em aeroporto do Rio e são agredidos

Foto: Reprodução/TV Globo

Cristiano Damasceno fica o tempo todo no chão desmaiado com as pancadas.
Um casal foi agredido por taxistas clandestinos no aeroporto internacional do Rio, porque se recusou a entrar no carro.

As imagens, gravadas pelas câmeras de segurança do aeroporto, mostram Dario Consentino sendo agredido por um homem de camisa branca. Em seguida a câmera mostra o sobrinho dele brigando com um homem de camisa azul.

O sobrinho dá uma cotovelada no homem, que é imobilizado e afastado do local. O namorado de Dario, Cristiano Damasceno, primeiro a ser agredido, fica o tempo todo no chão: tinha desmaiado com as pancadas.

Ao lado dele, o companheiro Dario tenta ajudá-lo. O homem que agrediu Cristiano aparece na imagem, saindo do local da briga.

Tudo começou depois que o casal e o sobrinho, que voltavam de Natal, se negaram a embarcar em um táxi pirata. Segundo a polícia, com a recusa, os passageiros foram agredidos.

Os dois motoristas foram presos. O rapaz que ficou mais ferido foi levado para um hospital que fica próximo do aeroporto.

Cristiano Damasceno teve cortes na cabeça e no rosto. O companheiro dele, Dario, teve escoriações pelo corpo. “A questão da homofobia foi pelo fato da gente ter recusado e ele não ter gostado da recusa por aí”, fala Cristiano.

Segundo a polícia, os dois agressores vão responder por tentativa de homicídio.
 
Encontre-nos no Google+