Emmie Reek, drag queen brasileira, canta Adele no “The Voice Irlanda” e faz sucesso

Emery Augusto, nome verdadeiro do cantor, caiu no gosto dos jurados e do público do 'The Voice Ireland' e é apontado como favorito pela imprensa local.

Publicado em 15/01/16 às 18:00

Do Gay1 Entretenimento Emmie Reek, drag queen brasileira, canta Adele no “The Voice Irlanda” e faz sucesso



Foto: Reprodução/Facebook

Emery Augusto.
Emery Augusto, de 27 anos, carioca de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, começou a cantar ainda criança aos 10 anos. Precoce, cursou a primeira faculdade, de educação física, aos 15. Se formou aos 19 e, depois, decidiu cursar letras. Dando aulas como professor do Estado, o carioca enxergou no reality show "Ídolos", do SBT, uma oportunidade de focar em seu grande sonho, a música. A participação acabou não indo para a frente, mas ele não desistiu de seu objetivo. Hoje, vivendo na Irlanda há um ano e meio para estudar inglês, Emery está frente a frente com a chance de se tornar um cantor de sucesso.

O brasileiro foi aprovado nas audições do "The Voice Ireland" em grande estilo: todos os quatro jurados viraram a cadeira para ele em sinal de aprovação pela performance cantando "One And Only”, de Adele. Mas o curioso é que não foi como o Emery que todos conheciam que ele se apresentou e, sim, "montado" como Emmie Reek, uma drag queen criada por ele em momentos de descontração com os amigos.

Em entrevista ao site EGO, Emery falou sobre a boa fase e as críticas positivas nos principais jornais locais. Sobre o sucesso ter chegado fora do país e não quando tentou a sorte em solo brasileiro, o carioca dá os créditos para Emmie.

Emmie Reek, drag queen brasileira, canta Adele no “The Voice Irlanda” e faz sucesso

Foto: Reprodução

Emmie Reek no The Voice Ireland.
Apesar da Irlanda ter vivenciado a votação do referendo para o casamento entre pessoas do mesmo sexo em 2015 e o saldo ser positivo para o movimento LGBT, Emery admite que teve receio da reação do público por se apresentar como drag. "No começo tive receio sim. Primeiro porque ainda não é convencional para as pessoas ligarem a TV e virem uma drag poderosa, colorida, cantando. Depois porque essa coisa de fazer drag é novidade para mim, a Emmie tem seis meses de idade. Mas nunca tive medo de ousar. Aprendo maquiagem sozinho etc. Então representar um universo tão lindo pelo qual tenho muito respeito e sendo uma iniciante é uma responsabilidade enorme", disse.

O noivo, o polonês Marcin Gutnik, é um dos principais incentivadores de Emery. "A decisão (de adiar o casamento em prol do programa) foi do próprio noivo (risos). Ele quer tanto isso quanto eu, me apoia bastante. Na hora em que o Eoghan (apresentador) perguntou sobre a decisão na frente das câmeras, se adiaríamos o casamento ou não, eu realmente não sabia o que fazer. Então o Marcin tomou a frente e decidiu por mim", falou.

A próxima fase do "The Voice Ireland" já está gravada, mas infelizmente Emery não pode contar o que aconteceu. O que se sabe é que as gravações aconteceram em um castelo, onde as duplas foram divididas e rolaram os ensaios. Depois, aconteceram as "batalhas" entre os candidatos de cada jurado. Para quem quer saber se Emmie continua ou não no programa, vai ter que aguardar até o mês que vem.

Quanto ao casório, a papelada da união já está encaminhada no Brasil e depois os papéis serão convertidos na Irlanda. "Deve ter uma cerimônia e festa por aqui, mas vamos fazer tudo com calma!", comentou Emery.

Fã da Lady Gaga, a descrição do seu perfil no Twitter é: “I’m on the right track, baby, I was born this way”. No Facebook, dá para vê-lo cantando um mash-up de Lady Gaga, Rihanna e Nicki Minaj:

Emmie Reek - Born This Way (Lady Gaga, Steppenwolf, Nicki Minaj and Rihanna Mashup)

Hello, guys! Watch Emmie Reek's mashup of Lady Gaga, Steppenwolf and Nicki Minaj feat. Rihanna!Born This Way / Born To Be Wild / FlyInstagram - @emmiereek / @gtsnsTwitter - @emmiereek / @ugustu Thank you for all the support!

Publicado por Emmie Reek em Terça, 4 de agosto de 2015
 
Encontre-nos no Google+