Último final de semana da ocupação Rio Diversidade tem eventos gratuitos

Projeto no Castelinho do Flamengo sobre diversidade sexual apresenta 4 monólogos inéditos sobre questões de gênero, cultura queer e comportamento LGBT até sábado, dia 30.

Publicado em 28/07/16 às 17:04

Do Gay1 RJ

Foto: Elisa Mendes

Drag de cerimônias da Ocupação Rio Diversidade e do Lounge FOCO TRANS.
Depois de um primeiro final de semana arrebatador, o projeto “Ocupação Rio Diversidade” segue para sua última semana (até dia 30 de julho, sábado) no Castelinho do Flamengo. Idealizado pela dramaturga e empresária cultural Márcia Zanelatto, o projeto tem programação gratuita de quarta a sábado com quatro monólogos, um espaço lounge onde a drag queen Magenta Dawning recebe convidados especiais e, aos sábados pela tarde, debates com intelectuais renomados como a filósofa Carla Rodrigues.

Circulando pelos ambientes do Castelo, os espectadores verão as diferentes encenações. Os quatro monólogos, escritos especialmente para a Ocupação, são assinados por Jô Bilac, Marcia Zanelatto, Daniela Pereira de Carvalho e Joaquim Vicente, e têm direção de Ivan Sugahara, Guilherme Leme Garcia, Renato Carrera e Cesar Augusto, respectivamente. Em cena estarão Gabriela Carneiro da Cunha, Larissa Bracher, Kelzy Ecard e Thadeu Mattos.

Rui Cortez assina a direção de arte das quatro peças e a iluminação ficará a cargo de Daniela Sanchez e Tiago Mantovani, que, também fazem uma luz especial para a fachada do Castelinho. A arte gráfica, aplicada a simpáticos souvenires, é de Daniel de Jesus.

Em 2013, Marcia Zanelatto esteve em Londres para uma mostra de dramaturgia brasileira, a RedLikeEmbers, no Theatre503. Lá, pôde ver a eficácia da peça curta, pouco usada no Brasil, e do evento temático como propulsor de novas dramaturgias, o que serviu de inspiração para montar uma ocupação LGBTQ.

"O Rio tem o título de uma das dez cidades mais gay friendly do mundo. No entanto, nossa produção dramatúrgica, seja no teatro, na tv ou no cinema, é dominada por narrativas e protagonistas heterossexuais. Precisamos tirar os personagens LGBTQs do armário!" – diz Márcia com humor.

Foto: Elisa Mendes

Atores apresentam 4 monólogos inéditos sobre diversidade sexual e de gênero, ao centro, Marcia Zanelatto, idealizadora do projeto.
O objetivo é unir arte e debate social, promovendo o encontro dos artistas com o seu público e com as cabeças pensantes da cidade, contribuindo com o fim do preconceito quanto aos gêneros.

"O Rio de Janeiro é uma cidade sensual desde sua geografia até os hábitos do seu povo que frequenta e tem na praia o seu mais democrático, festivo e poético ponto de encontro. Segundo estatísticas, 19.3% da população masculina e 9,3% da feminina são gays ou bissexuais. Isso define o comportamento do carioca, dando um tom de tolerância e simpatia à grande parte da população. É isso o que temos de valorizar e estimular! Chega de hipocrisia, chega de homofobia!" - finaliza a idealizadora do projeto.

Ocupação Rio Diversidade
*Programação dos espetáculos em anexo
Local: Centro Cultural Municipal Oduvaldo Vianna Filho - Castelinho do Flamengo
Endereço: Praia do Flamengo, 158 - Telefone: 21 - 2205- 0655
Data: De 20 a 30 de julho de 2016
Ingressos: Entrada franca com distribuição de senhas uma hora antes
Classificação: 18 anos.

Programação:
Peças Teatrais - De quarta a sábado, das 19h às 20h30
Lounge Foco Trans - sextas e sábados, a partir das 20h30
Encontros Cultura Queer, Sexo e Gênero em debate - sábados às 16h
 
Encontre-nos no Google+