Recife ganha novo centro de atendimento e apoio para pessoas LGBT

O Instituto Boa Vista, uma ONG não governamental, está oferecendo assistência a casos contra violência, saúde e outros serviços as lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais.

Publicado em 27/03/2017 às 16:29

Gay1 Notícias
Foto: DivulgaçãoLocal tem serviços de atendimento especializado por uma equipe composta por advogados, psicólogos, assistentes sociais e agentes de direitos humanos.

O público LGBT do Recife conta a partir de agora com um novo e moderno centro de atendimento para vítimas de discriminação e violência com base na orientação sexual e identidade de gênero. O serviço é oferecido pelo Instituto Boa Vista, uma organização não governamental, que já está funcionando na Rua das Ninfas, 84-A, ao lado da boate Metrópole.

O IBV coloca à disposição da população LGBT serviços de atendimento especializado por uma equipe composta por advogados, psicólogos, assistentes sociais e agentes de direitos humanos. O público terá acesso a serviços como apoio psicológico e social, que será feito pessoalmente, além de orientação e encaminhamento jurídico para os casos de LGBTfobia e mudança de nome social para as pessoas transexuais.

“Queremos com o Instituto Boa Vista formar uma rede de combate à violação dos direitos de lésbicas, gays, bissexuais, transexuais e transgêneros”, explica o sociólogo Acioli Neto consultor da área e coordenador do IBV.

De acordo com Canário Caliari, Presidente do Instituto Boa Vista a iniciativa da ONG é de também atuar nas áreas de defesa e a promoção dos direitos humanos LGBT, bem como cuidados com a saúde e ênfase na prevenção das doenças sexualmente transmissíveis (DST-AIDS).

Foto: DivulgaçãoLocal tem serviços de atendimento especializado por uma equipe composta por advogados, psicólogos, assistentes sociais e agentes de direitos humanos.

O Grupo também é atuante na promoção de encontros e debates. No ano passado realizou cinco edições do Roda Livre, eventos mensais ocorridos aos sábados á tarde na Boate Metrópole temas de grande interesse da população LGBT. “Nesses encontros contamos sempre com a presença de alguma personalidade da comunidade LGBT nacional e internacional como o prof. Luiz Mott, antropólogo, historiador e pesquisador, e um dos mais conhecidos ativistas brasileiros, bem como representantes das Nações Unidas, do Ministério Público dentre outros notórios profissionais e principalmente a participação do público em um amplo debate”, completa Caliari.

Além disso, a ONG criou uma rede solidária de cultura em Pernambuco. Sua principal estratégia é de promover cursos de aprendizagem e capacitação nas áreas de artes plásticas, artes cênicas, dança, música e esportes, além de uma feira cultural de moda, arte e gastronomia no bairro da Boa Vista.

A sede do Instituto Boa Vista funciona na Rua das Ninfas, 84-A, ao lado da boate Metrópole, de segunda-feira a sexta-feira das 14h às 20h. Quem quiser pode agendar a sua visita ligando para o número: (81) 3072-9799.
© Portal Gay1
 
Encontre-nos no Google+